Benefícios do vinho para a saúde

0
19

O vinho pode trazer muitos benefícios para a saúde, você já sabia disso, não é mesmo? Percebe-se que o vinho faz com que muitas doenças e casualidades sejam prevenidas no organismo. Separamos alguns dados e pesquisas que comprovam a eficácia do vinho, portanto, continue lendo nosso artigo. Claro que, o que queremos aqui é que você consuma moderadamente o vinho, sem exagerar ou exceder.

Redução da depressão

Pesquisas foram realizadas e demonstraram que os homens e as mulheres que bebiam de dois a sete copos de vinho por semana eram menos propensos a serem diagnosticados com depressão. Mesmo depois de levar em conta fatores de estilo de vida que poderiam influenciar as suas conclusões, o risco significativamente menor de desenvolver depressão ainda está no consumo regular de vinho.

--- continua depois da publicidade ---

Prevenção do câncer do cólon

A Universidade de Leicester, Reino Unido, informou na 2ª Conferência Científica Internacional sobre Resveratrol que o consumo regular e moderado de vinho tinto pode reduzir a taxa de tumores intestinais em aproximadamente 50%.

Rejuvenescimento

Monges acreditavam que vinho diminuiu a velocidade do processo de envelhecimento, e hoje os cientistas Harvard relataram que o vinho tinto tem propriedades que retardam o envelhecimento. Especificamente, o resveratrol tem efeito benéfico.

Mosteiros em toda a Europa estavam convencidos de que a expectativa de vida mais longa de seus monges, em comparação com o resto da população, foi em parte devido ao seu consumo moderado e regular de vinho.

Um estudo realizado na Universidade de Londres descobriu que as procianidinas, compostos normalmente encontrados no vinho tinto, mantêm os vasos sanguíneos saudáveis, e é um dos fatores que contribui para a maior expectativa de vida desfrutada pelo povo na Sardenha e sudoeste da França.

Prevenção de câncer da mama

O consumo regular da maioria das bebidas alcoólicas aumenta o risco de câncer de mama. No entanto, a ingestão de vinho tinto tem o efeito oposto. Os cientistas explicaram que as substâncias químicas nas cascas e sementes de uvas vermelhas reduzem os níveis de estrogênio, enquanto elevam a testosterona em mulheres na pré-menopausa, o que resulta em um menor risco de desenvolver cancro da mama.

Os autores enfatizaram que não é apenas o vinho tinto que tem os compostos benéficos, mas sua matéria-prima, a uva vermelha.

O estudo surpreendeu muitos pesquisadores. A maioria dos estudos aponta para um maior risco de câncer da mama ao consumir bebidas alcoólicas, porque o álcool aumenta os níveis de estrogênio da mulher, que por sua vez estimula o crescimento de células cancerosas.

Prevenção de demência

A ingestão moderada de vinho tinto pode reduzir o risco de desenvolver demência. Os investigadores explicaram que o resveratrol reduz a aderência das plaquetas do sangue, o que ajuda a manter os vasos sanguíneos abertos e flexíveis. Isto ajuda a manter um bom fornecimento de sangue para o cérebro.

Ambos os vinhos, branco e tinto, contêm resveratrol, mas o vinho tinto tem muito mais. A pele das uvas vermelhas tem níveis muito elevados de resveratrol.

Ciente dos benefícios do vinho para a saúde passe a consumi-lo moderadamente. Além disso, o vinho é uma das bebidas mais saborosas que existe.

Aviso
O Site Manual de Saúde tem caráter meramente informativo. Diante de qualquer problema, não faça nenhum diagnóstico ou automedicação com base nas informações lidas aqui. Informe-se e procure um médico de sua confiança.